• Sandra Carvalho

4 horas de TV por dia? Pode dar embolia pulmonar

O risco de coágulos de sangue aumenta 35% depois de 4 horas diretas de televisão.


TV e relógio
Imobilidade diante da TV por tempo demais atrapalha a circulação | Imagem: Wix

Se você costuma maratonar séries de TV, faça um favor a si mesmo: se movimente a 30 minutos. Caso contrário, o risco de ter coágulos no sangue pode disparar.


Uma pequena equipe internacional de cientistas estudou os efeitos de muitas horas consecutivas diante da TV e concluiu que o risco de coágulos sanguíneos aumenta 35% depois de quatro horas ou mais assistindo televisão, comparando com no máximo 2,5 horas.


O risco pode disparar para todo mundo, mesmo para as pessoas mais atléticas.


"Nosso estudo sugere que ser fisicamente ativo não elimina o risco maior de coágulos no sangue associado a longas horas diante da TV", observou Setor Kunutsor, da Universidade de Bristol (#BristolUni), um dos autores do estudo.


Segundo a pesquisa, os coágulos podem resultar em embolia pulmonar (coágulos no pulmão) e trombose venosa profunda (coágulo em uma veia profunda, geralmente da perna, que pode ir para o pulmão e terminar em embolia pulmonar). Os problemas são potencialmente fatais.


Os cientistas analisaram dados de 131 mil participantes de 40 anos ou pais, sem problemas anteriores de coágulos, num período que foi de 5,1 a 19,8 anos. O estudo foi publicado no European Journal of Preventive Cardiology.


"Os resultados indicam que devemos limitar o tempo que passamos diante da televisão", notou Kunutsor. "Longos períodos de TV devem ser intercalados com movimento para manter a circulação."


A pesquisa associa tempo demais diante da TV a coágulos de sangue, mas não prova que causa os coágulos. ✔︎


Veja mais: Bebês grudados em telas: maior risco de sintomas do tipo autismo