• Sandra Carvalho

A dureza da vida nas ruas de São Paulo com muito frio

A miséria e a desigualdade paulistanas com temperaturas baixíssimas em 18 fotos.


Os dias mais frios do ano expõem de maneira crua a pobreza extrema na cidade de São Paulo. O fotógrafo Jorge Araújo documentou o impacto do ar gelado nas pessoas que vivem nas ruas.


Segundo o último censo feito com moradores sem-teto da cidade, há 24.344 pessoas vivendo nas ruas da cidade. O levantamento é de 2019, então não inclui quem perdeu a moradia ao longo da pandemia do novo coronavírus.



Fotos: cc Jorge Araújo/Fotos Públicas


Veja mais: A pirâmide global da riqueza: 46% estão nas mãos de 1%