• Sandra Carvalho

A nave espacial Cassini se despede com imagens magníficas de Saturno

A nave se desintegrou como um meteoro depois de 20 anos de exploração espacial.


Imagens de Saturno: legado da nave Cassini | Foto: NASA

A nave espacial Cassini, da NASA, mergulhou hoje cedo na atmosfera de Saturno, se desintegrando como um meteoro. Encerrou, assim, quase 20 anos de exploração espacial.


A nave se desfez propositalmente, depois de gastar todo seu combustível, para evitar qualquer possibilidade de contaminar as luas de Saturno, Encedalus e Titã, com organismos da Terra.


Desde 2004 a Cassini era usada para estudar Saturno, especialmente a lua Encedalus, que tem um oceano e aparentemente condições potenciais de suportar vida.


Ao longo dos 13 anos da missão em Saturno, a Cassini viajou 7,9 bilhões de quilômetros, fez 453 mil imagens e levantou 635 GB de dados científicos.


Em seu final de missão, deixou imagens incríveis dos anéis de Saturno e suas nuvens.


Visão do lado iluminado dos aneis, a 1,2 milhão de distância de Saturno | Foto: NASA

Um das últimas imagens de Saturno e seus principais anéis capturados pela Cassini  | Fotto: NASA

 Uma das luas de Saturno, a Encedalus, abaixando atrás do planeta, numa despedida da Cassini | Foto: NASA

 Visão dos anéis de Saturno | Foto: NASA

Nuvens sobre Saturno parecem pinceladas cósmicas, na definição da NASA | Foto: NASA

Visão noturna da lua Titã de Saturno  | Foto: NADS

#Espaço #NASA #NavesEspaciais #Saturno