• Sandra Carvalho

Astrofotografia: a beleza da Via Láctea no deserto de Atacama

Lugares distantes da poluição da luz das cidades rendem fotos assim.


Observatório La Silla, do ESO, no deserto de Atacama.
Foto: Zdenek Bardon/ ESO

O céu estrelado do Observatório La Silla, no deserto de Atacama, no Chile, é de babar. Nesta foto de 3 de fevereiro, pode-se ver Vênus (o maior ponto de luz, à esquerda) Júpiter (menor, ligeiramente abaixo, deslocado para direita) e toda a magnificência da Via Láctea.


O Observatório La Silla, do #ESO (European Southern Observatory) fica num lugar privilegiado. A 2.400 metros acima do nível do mar, tem pouquíssima umidade, uma garantia de noites claras, sem nuvens ou chuvas.


O local está relativamente longe de luzes urbanas (algumas delas aparecem nessa foto, mas sem estragar a beleza da paisagem). ✔︎


Veja mais: Já observou a nebulosa Saco de Carvão?