• Sandra Carvalho

Brasil e Estados Unidos dobram casos de coronavírus em dois dias

Só o Equador levou menos tempo para multiplicar os casos totais de coronavírus: 1 dia.


Paulista deserta, em São Paulo: a cidade brasileira com mais infecções | Foto: cc Roberto Parizotti/Fotos Públicas

O site Our World in Data, da Universidade de Oxford, fez as contas exatas da velocidade da expansão do novo coronavírus em boa parte do mundo, estimando quantos dias cada país leva atualmente para dobrar o número total de casos confirmados da pandemia.


Mau presságio para o Brasil, a Alemanha, os Estados Unidos e a Tailândia: esses países levaram apenas dois dias para duplicar os casos confirmados de Covid-19.


Só no Equador a pandemia se expandiu ainda mais aceleradamente, dobrando os casos em apenas um dia.


A China, onde o vírus emergiu, contaminou mais de 80 mil pessoas e matou mais de 3 mil, tem o número mais tranquilizador dessa estatística: lá o número de casos totais confirmados levou os últimos 40 dias para dobrar.


Com medidas draconianas de quarentena, isolamento, vigilância e restrições de toda ordem, o país se tornou um caso de sucesso no combate ao novo coronavírus.


A Coreia do Sul, onde a pandemia ameaçou se espalhar descontroladamente, também tem um bom número, o segundo melhor de todos: 19 dias.


A Coreia se tornou o símbolo do que testes em massa e isolamento dos doentes e suspeitos de infecção podem conseguir no combate à pandemia. O país fez mais de 316 mil testes até o dia 20 e ataca implacavelmente cada novo cluster do vírus.



#Brasil #China #CoreiadoSul #Coronavírus #Epidemias #OurWorldinData #UniversidadedeOxford