• Sandra Carvalho

Cola da web com celular leva estudantes a notas piores?

Cópia automática prejudica o aprendizado de longo prazo, dizem pesquisadores americanos.


Foto: cc0 Pixabay

Estudantes que procuram respostas prontas na internet para trabalhos de faculdade, apelando para o celular, podem levar boas notas nesses trabalhos, mas acabam tirando notas mais baixas nos exames.


É o que dizem pesquisadores da Universidade Rutgers, de Nova Jersey. O motivo: esse copia e cola, sem parar para entender e refletir sobre a pergunta, prejudica o aprendizado de longo prazo. O estudo foi publicado no jornal Educational Psychology.


"Quando um estudante faz um trabalho através da busca por uma resposta normalmente acha a resposta certa", afirma o professor de Psicologia Arnold Glass, o principal autor do estudo. "Mas quando faz isso esquece rapidamente a pergunta e a resposta."


O estudo mostrou que 14% dos estudantes tiravam notas mais altas nos trabalhos de casa do que nos exames em 2008. Mas em 2017 essa fatia havia saltado para 55%. Segundo o estudo, o percentual cresceu na medida em que o uso de celulares nas tarefas se tornou mais comum.


De acordo com Glass, o melhor seria os estudantes lerem a questão, pensar sobre ela, elaborar uma resposta própria e se comprometer com a resposta. "Se eles fazem isso e aí procuram por uma resposta online, provavelmente vão lembrar a resposta, o que terá um efeito de longo prazo nas performances dos exames", explicou.


Veja mais: Bebês grudados em telas: maior risco de sintomas parecidos com autismo


#Aprendizado #Celulares #Internet #Educação #Psicologia #Rutgers