Comer libera opioides naturais no cérebro, nem importa a comida

Uma quantidade significativa de endorfinas é liberada quando se come.


Qualquer comida estimula os opióides |  Fotos: cc0 Pixabay

Pode ser um pedaço delicioso de pizza ou um shake sem gosto - não importa. Comer estimula o sistema de opióides naturais do cérebro - como as endorfinas, que dão sensação de bem-estar.


Pesquisadores finlandeses da Universidade de Turku (UTU) estudaram a relação entre a comida e o cérebro e verificaram que uma quantidade significativa de endorfinas é liberada quando se come.


O estudo foi publicado no Journal of Neuroscience no dia 23 e divulgado ontem num comunicado da UTU.


Nos testes, eles testaram pizza e uma bebida nutritiva, mas sem gosto. Ao comer a pizza, as pessoas relataram mais prazer, é claro. Mas tanto no caso da pizza quanto da bebida nutritiva houve a liberação de opioides naturais.


A bebida nutritiva, que tinha a mesma quantidade de calorias da pizza, aliás, liberou mais opióides.


As reações foram medidas com PET, a tomografia por emissão de pósitrons. Veja a imagem do experimento, do Turku PET Centre.


À esquerda, a reação a uma bebida nutritiva comum; à direita, reação a uma ótima pizza

O que se faz com esse achado? Ele pode contribuir para o tratamento da obesidade.


Os resultados da pesquisa sugerem que comer demais, continuamente, superestimula o sistema natural de opioides e suas sensações de prazer, o que poderia contribuir para o ganho de peso.


#Cérebro #Comida #Endorfinas #Neurociência #Obesidade #Opioides #UTU