• Sandra Carvalho

Comido por um sapo, besouro sai ileso pelo bumbum

O feito foi registrado em vídeo por um ecologista da Universidade de Kobe.


O predator que engole o besouro: um sapo comum nos arrozais do Japão | Foto: cc 3.0 Alpsdake/Wikimedia Commons

O ecologista japonês Sugiura Shinji, da Universidade de Kobe, registrou um fato extraordinário da luta pela sobrevivência no mundo animal: um besouro aquático sendo engolido por um sapo e saindo vivo do outro lado, pelo bumbum, depois de ter resistido ao sistema digestivo de seu predator.


Sabe-se que alguns animais são comidos por seus predatores, sobrevivem ao sistema digestivo deles e depois são expelidos pelas fezes vivos. O Shinji fez de diferente foi registrar esse momento de libertação. Seu estudo foi publicado no jornal Current Biology.


O momento da fuga, que durou 41 segundos | Imagens: Sugiura Shingi/Universidade de Kobe

Os protagonistas da luta pela sobrevivência registrada por Shinji são comuns nas plantações de arroz do Japão: o besouro aquático Regimbartia attenuata e o sapo Pelophylax nigromaculatus.


Ele levou os animais para o laboratório e ali constatou que o besouro não só sai vivo do sapo como estimula a excreção do sapo para facilitar sua fuga, levando o músculo esfíncter a relaxar. Veja o lance da escapada nesse vídeo de 57 segundos:



#Anfíbios #Insetos #Sapos #UniversidadedeKobe