• Sandra Carvalho

Coronavírus: as cidades brasileiras contam seus mortos

Onde a Covid-19 mata mais no Brasil, de São Paulo a Jaboatão dos Guararapes.


Cemitério Nossa Senhora Aparecida, Manaus
Cemitério Nossa Senhora Aparecida, Manaus: a cidade já enterrou 1.182 pessoas | Foto: cc Alex Pazuello/Semcom

Talvez nunca se saiba o número exato dos mortos por Covid-17 no Brasil, pelas subnotificações generalizadas. Mas os números oficiais, embora incompletos, são suficientemente trágicos: 24.912 vítimas fatais até ontem.


Na frente do ranking da morte, a cidade de São Paulo, com 3.555 vidas perdidas, seguida de 7 outras grandes cidades, todas capitais com mais de 1 milhão de habitantes.


No fim da fila, centros um pouco menores: Osasco, na região metropolitana de São Paulo, e Jaboatão dos Guararapes, na de Recife.


Confira o primeiro gráfico com o ranking. Os dados são do site Brasil.io. No segundo gráfico, você vê a incidência de mortes a cada 100 mil habitantes nessas cidades, com muitas posições invertidas - Belém fica em primeiro lugar, com 77 mortes por 100 mil habitantes.


Em tempo: o segundo gráfico não é um ranking da mortalidade nas cidades brasileiras em geral, mas apenas das 10 cidades com mais mortos. Infelizmente, há dezenas de outras cidades brasileiras com números piores que esses.


Gráfico das mortes por Covid-19 nas cidades brasileiras

Gráfico com a incidência de mortes por Covid-19 a cada 100 mil habitantes

Veja mais: No Brasil, muita live e pouco teste


#Belém #Brasil #BrasilIo #CidadesBrasileiras #Coronavírus #Epidemias #Fortaleza #RiodeJaneiro #SãoPaulo