• Sandra Carvalho

Dor na lombar por ficar muito tempo sentado?

Cientistas da Lituânia criaram exercícios sob medida para a dor dos sedentários.


Exercícios inspirados em Pilates: para corrigir efeitos do sedentarismo | Fotos: KYU

Em tempos de coronavírus, com isolamento em casa, a tentação de ficar sentado horas seguidas é quase irresistível. A consequência, muitas vezes, chega rápido: dor lombar.


Entre 6 e 7 pessoas a cada 10 sentem dor na lombar nos países industrializados, segundo dados da Organização Mundial da Saúde, a OMS. Isso numa época normal, muito diferente da atual.


Agora, com distanciamento social, isolamento e quarentena, a dor lombar tem tudo para correr solta. Um programa de exercícios desenvolvido por cientistas da Universidade de Tecnologia Kaunas (KTU), na Lituânia, talvez possa ajudar.


O programa, baseado em Pilates, consiste num conjunto de exercícios de estabilização com objetivo de fortalecer os músculos profundos que suportam a coluna e a lombar. Foi elaborado especialmente para pessoas que têm um trabalho sedentário.


O estudo foi publicado no jornal Clinical Biomechanics.


Fazem parte do programa exercícios estáticos e dinâmicos. As posições estáticas devem ser mantidas de 6 a 20 segundos. Cada exercício deve ser repetido de 8 a 16 vezes.


Dá para ter uma boa ideia do que se trata pelas fotos, para quem tem alguma familiaridade com Pilates. Muitas vezes a dor lombar vai embora sozinha, mas as chances de voltar são altas.


As posições têm o objetivo de fortalecer os músculos que suportam a coluna. Fotos: KTU

#AtividadeFísica #Dores #DorLombar #DornasCostas #Exercícios #KTU #Pilates