• Sandra Carvalho

Esse robô super fofo é capaz de deixar as pessoas felizes?

Cientistas israelenses dizem que ele até reduz a sensação de dor em seus interlocutores.


Paro: carreira de 15 anos como terapeuta | Foto: Peter Hall/Tekniska Museet/Wikimedia Commons

O robô-terapeuta japonês Paro conquista corações desde 2005, usado em hospitais e centros médicos em mais de 30 países.


É um filhote de foca-harpa irresistivelmente fofo, usado para facilitar a comunicação e as conexões emocionais no tratamento de muitas doenças, de câncer a demência.


Agora cientistas da Universidade Ben-Gurion do Neguev (BGU) afirmam que bastam 60 minutos de interação com o Paro para melhorar o humor e reduzir dor, leve ou severa, em seus interlocutores.


Estudos anteriores mostraram que o contato humano pode melhorar a sensação de bem-estar e diminuir a dor. Os pesquisadores da BGU asseguram que o contato com robozinho é capaz de efeitos similares.


Paro em teste no laboratório da BGU | Foto: Shelly Levy Tzedek/BGU

Para testar a capacidade de Paro de aliviar a dor, os pesquisadores fizeram um experimento expondo a pele dos participantes a altas temperaturas. Quando estavam na companhia do robozinho e o tocavam, as pessoas disseram sentir menos dor.


O estudo foi publicado no jornal Scientific Reports., sugerindo que o Paro aumenta a felicidade das pessoas.


"Robôs sociais podem ajudar a aliviar um pouco da solidão e outros sentimentos que as pessoas têm por falta de contato e interação humana", disse Shelly Levy-Tzedek, do Departamento de Fisioterapia da BGU, que liderou o estudo, ao jornal Times of Israel.


Um resultado inesperado do estudo foi o nível mais baixo do hormônio oxitocina, chamado de hormônio do amor, nas pessoas que interagiam com Paro, comparado com o nível das pessoas do grupo de controle, que não entraram em contato com o robozinho.


Como explicar isso? Pesquisas mais recentes mostram que a oxitocina, além de estimular afeto, também é um indicador de stress. Para os pesquisadores, o nível mais baixo de oxitocina em quem interagiu com Paro pode sugerir menos stress e uma sensação de relaxamento.


Veja mais: Quem foge da rotina tem mais chance de ser feliz?


#BGU #Dores #Felicidade #Oxitocina #Psicologia #Solidão #Robôs