• Sandra Carvalho

Força do punho indica maior ou menor risco de diabetes

Quanto mais força, menos risco, garantem cientistas da Universidade de Bristol.


Força do punho: sinalizador valorizado pelos médicos | Foto: cc Wham Bam!/Flickr

A força do punho já é considerada há anos um indicador do risco de um ataque cardíaco ou de um derrame. Agora pesquisadores da Universidade de Bristol (Bristol Uni) dizem que é também sinalizador da diabetes tipo 2.


Trabalhando com colegas da Universidade da Finlândia Oriental (UEF), eles examinaram a força muscular do punho de 776 homens e mulheres finlandeses sem história de diabetes ao longo de 20 anos.


Usando um dinamômetro, eles mediram a força do punho dominante de todos por 5 segundos. Notaram que o risco de diabetes tipo 2 caía proporcionalmente ao aumento de força, mesmo considerando idade, histórico familiar, atividade física, pressão alta e outros fatores importantes da doença.


O estudo foi publicado no Annals of Medicine. A diabetes é a nona causa de morte no mundo, e em 90% dos casos se manifestam como tipo 2.


Veja mais: Exagerou na pizza? Tudo bem, se for só uma vez