• Sandra Carvalho

Maconha alivia estresse pós-traumático (mas só por um tempo)

É o que concluíram psicólogos da Universidade Estadual de Washington.


Maconha: efeitos medidos com app | Foto: cc0 Next Green Wave/Unsplash

A boa notícia: maconha diminui mais da metade dos sintomas de quem tem transtorno de estresse pós-traumático - reduz 51% dos flashbacks, 62% dos pensamentos persistentes, 67% da irritabilidade e 57% da ansiedade.


A má notícia: os efeitos são apenas temporários. Passou o barato, não há garantias. É o que mostra um estudo de psicólogos da Universidade Estadual de Washington (Wazzu), que analisaram dados de mais de 400 pessoas.


Durante 31 meses, eles acompanharam os efeitos do uso de cannabis com o app médico Strainprint, desenvolvido sob medida para usuários distinguirem quais tipos de maconha medicinal funcionam melhor para seus sintomas.


O estudo, publicado no Journal of Affective Disorders, focou o tempo todo nos sintomas do transtorno de estresse pós-traumático (TEPT em português e PTSD em inglês). Mediu as reações à maconha exatas 11.797 vezes.


"A cannabis mascara temporariamente os sintomas, agindo um pouco como band-aid, mas assim que o período de intoxicação se esvai, os sintomas podem voltar", observou a psicóloga Carrie Cuttler, da WSU, a principal autora do estudo.


De acordo com o estudo, doses mais altas de maconha diminuem mais a ansiedade e outras manifestações de TEPT. Mas a dose para administrar ansiedade aumenta ao longo do tempo, o que indica um problema de tolerância.


A longo prazo, dizem os cientistas, cannabis nem melhora nem piora os sintomas de TEPT. Sua grande vantagem é mesmo reduzir mais de 50% dos sintomas do transtorno imediatamente, de forma temporária.


O transtorno de estresse pós-traumático afeta pessoas que passaram por acontecimentos traumáticos, como a participação numa guerra, num sequestro ou num acidente grave. Atinge mais mulheres do que homens (9,7% das mulheres e 3,6% dos homens ao longo da vida).


Veja mais: Legalização da maconha: os 6 prós e os 6 contras mais comuns


#Ansiedade #Apps #Estresse #Maconha #MaconhaMedicinal #Psicologia #TranstornosMentais #TEPT #Wazzu