• Sandra Carvalho

Novo verme japonês tem nome de inimigo de Godzilla

O verme homenageia o Rei Ghidorah, monstro dourado de três cabeças.


Ramisyllis kingghidorahi
Ramisyllis kingghidorahi: a cabeça única e as ramificações | Foto: Maria Teresa Aguado/Universidade de Göttingen

Vermes marinhos ramificados, que têm uma única cabeça mas um corpo que se ramifica repetidamente, são considerados extremamente raros. Até agora, apenas duas espécies eram conhecidas.


A terceira, encontrada na ilha de Sado, no Japão, acaba de ser identificada por uma equipe internacional de cientistas.


Eles batizaram o novo verme de Ramisyllis kingghidorahi, homenageando o monstro de três cabeças Rei Ghidorah, inimigo de Godzilla. Olhe a criatura comendo neste vídeo de 38 segundos:



“Rei Ghidorah é um animal fictício ramificado que pode regenerar suas pontas perdidas, então achamos que esse era um nome apropriado para a nova espécie de verme ramificado”, diz a professora Maria Teresa Aguado, da universidade alemã de Göttingen (#UniGöttingen), uma das autoras do estudo sobre o novo verme.


O habitat dos vermes ramificados são as esponjas do mar. A primeira espécie dessas criaturas foi descoberta em 1879, nas Filipinas, em esponjas-de-vidro do fundo do mar. A segunda foi identificada em 2012 na Austrália.


Ao contrário do verme ramificado filipino, tanto o japonês quanto o australiano vivem em esponjas pedregosas em águas rasas. A pesquisa foi publicada em Organisms Diversity & Evolution.


A casa do novo verme: ele aparece na superfície da esponja | Foto: Toru Miura/Universidade de Tóquio

Veja mais: 1ª planta de 2022 homenageia Leonardo DiCaprio