• Sandra Carvalho

Os coalas estão pedindo água na Austrália

Muitos morrem de desidratação durante as ondas de calor que assolam o país.


Coala em fazenda perto de seu habitat: ele sumiu depois de muito calor | Foto: Kate Wilson/Universidade de Sydney

Os coalas (Phascolarctos cinereus) estão pedindo água durante as ondas de calor da Austrália. Muitos morrem de desidratação nessas circunstâncias na Nova Gales do Sul.

Antes se pensava que as folhas de eucalipto, o seu alimento, podiam entregar tranquilamente toda a água que eles precisavam. Agora sabe-se que não. A mudança de clima só está piorando as coisas.

Um estudo da Universidade de Sydney mostrou que durante a época mais seca e mais quente do ano os coalas vão buscar água onde ela se encontra.

Normalmente, recipientes de água para cachorros, represas, chafarizes, fontes ornamentais de fazendas. Os animais inclusive deixam de dormir durante o dia, como costumam fazer normalmente, para se hidratar.

Os cientistas puseram pequenas estações de água no chão e no topo das árvores e o experimento foi um sucesso.


Os animais usaram muito esses bebedouros durante a época mais quente e seca do ano e deram as caras até mesmo nos meses mais frios, embora por menos tempo. Veja uma foto do experimento.

Coala bebendo em fonte de água | Foto: Universidade de Sydney

Além da escassez de água, os coalas enfrentam problemas de desmatamento, doenças como a clamídia, ataques de predadores, incêndios e até atropelamento por carros.

A população de coalas em Queensland e Nova Gales do Sul diminuiu de 326.400 em 1.990 para 188.000 em 2010, numa queda de 42%.

#Água #Austrália #Coalas #MudançadeClima #UniversidadedeSydney