• Sandra Carvalho

Os donos do mundo viram refugiados nas telas de um pintor sírio

Abdalla Al Omari retratou de Donald Trump a Kim Jon-Un.


Exposição de presidentes e ditadores do pintor Abdalla Al Omari   |  Foto: Galeria Ayyan

Abdalla Al Omari transformou presidentes, primeiro-ministros e ditadores disfarçados e descarados em refugiados. O resultado do seu trabalho está exposto na galeria Ayyan, em Dubai, até 6 de julho, na série Vulnerabilidade.


Omari é sírio, mas mora na Bélgica como refugiado desde 2011. Ele colocou em suas telas uma parte dos líderes mundiais no poder hoje, como Donald Trump e Angela Merkel, e alguns que já saíram dos seus cargos, como o americano Barak Obama e o inglês David Cameron.


Bashar Al-Assad, de seu próprio país, aparece de forma irônica, perplexo e com um barquinho de papel na cabeça.


Também entraram na série Vulnerabilidade o ditador norte-coreano Kim Jon-Un, com um míssil de brinquedo, e o presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan.


O número de refugiados sírios gira hoje em torno de 5 milhões, quase 25% da população do país.


1. Donald

Foto: Galeria Ayyan

2. Bashar

Foto: Galeria Ayyan

3. Angela

Foto: Galeria Ayyan

4. Barak

Foto: Galeria Ayyan

5. Erdogan

Foto: Galeria Ayyan

6. Kim

Foto: Galeria Ayyan