Porcos gigantes começam a se espalhar pela China

Já existe inclusive porco chinês de 500 quilos, do tamanho de um urso polar.


Porcos em fazenda do Tibet: a China procura criar animais gigantescos | Foto: cc0 Chun San

Depois que a peste suína africana devastou recentemente boa parte das criações de porco chinesas, começou uma corrida insana para aumentar o tamanho dos animais.


A China é o maior consumidor de carne de porco do mundo - 70% da carne consumida no país é suína. Para impedir que a peste se alastrasse, os criadores tiveram que matar um terço dos seus animais.


A peste suína africana não atinge humanos, mas é uma doença fatal para os porcos, e para a qual não existe vacina.


A escassez atual de carne suína estimulou a busca pela criação de porcos muito maiores, animais tão grandes que até têm dificuldades para andar, de tamanho comparável a ursos polares.


A agência Bloomberg relatou esta semana que um fazendeiro em Nanning, na região sul da China, chegou a um porco de 500 quilos, como parte dessa busca por suínos gigantes.


Os fazendeiros têm procurado chegar a porcos de 200 quilos, em vez dos mais normais de 125 quilos. Os grandes criadores de porcos vão na mesma batida, inclusive o maior deles, Wens Foodstuffs.


No Brasil já se chegou várias vezes a porcos de 450 quilos, mas foram exceções que chamaram muito a atenção. Gordura demais cria problemas de saúde para os animais e levanta questões éticas sobre seu bem-estar.


#Alimentos #China #Epidemias #Porcos