• Sandra Carvalho

O chinês Qi Xinghua mostra em Berlim seu poder em street art

Fora da China, sua pintura tem mais chances de sobreviver.


Qi Xinghua: obras efêmeras na China | Imagem: reprodução Qi Xinghua/Facebook

Em Berlim, Qi Xinghua está levando sua arte para o parque Gleisdreick. Sua pintura é monumental - ele já entrou para o Guinness quatro vezes como o autor das maiores pinturas 3 D já feitas.


Na China, onde ele é muito conhecido, suas obras costumam ser efêmeras. Estão hoje ali, amanhã não estão mais. São escondidas debaixo de novas camadas de tinta, cobertas por publicidade ou simplesmente destruídas.


Ele disse à Deutsche Welle que concorda com o filósofo chinês Laozi, que diz "Agir, não vencer; criar, não possuir".


Para seu mural no parque em Berlim, Qi Xinghua resolveu usar a figura do dragão - símbolo chinês - e a da águia, símbolo da Alemanha.


#Arte #China #Grafite #StreetArt