• ESO

Vênus: fosfina indica vida extraterrestre?

A molécula, rara, foi encontrada nas nuvens do planeta, em pequenas concentrações.


A assinatura da fosfina no espectro de Vênus | Imagem: ALMA/Greaves et al./JCMT

Hoje uma equipe internacional de astrônomos anunciou a descoberta de uma molécula rara — fosfina, ou hidreto de fósforo — nas nuvens de Vênus. Na Terra, esse gás só é fabricado de forma industrial ou por micróbios que se desenvolvem em ambientes anaeróbicos, ou seja, sem oxigênio.


Há décadas que os astrônomos suspeitam que nas nuvens altas de Vênus poderão existir micróbios — vagando livremente e libertos da superfície abrasadora do planeta mas com capacidade para tolerar acidez muito elevada. A detecção de fosfina poderá apontar para uma vida “aérea” extraterrestre.


“Quando descobrimos os primeiros indícios de fosfina no espectro de Vênus ficamos em choque!”, disse a líder da equipe Jane Greaves, da Universidade de Cardiff , no País de Gales.


Ela foi a primeira a detectar sinais de fosfina em observações levadas a cabo com o Telescópio James Clerk Maxwell (JCMT), operado pelo Observatório do Leste Asiático no Havaí.


Para confirmar esta descoberta foram usadas 45 antenas do telescópio ALMA ( Atacama Large Millimeter/submillimeter Array ) no Chile, um telescópio muito mais sensível, do qual o Observatório Europeu do Sul (ESO) é parceiro. A equipe internacional, que inclui investigadores do Reino Unido, Estados Unidos e Japão, estima que existe fosfina, ou hidreto de fósforo (PH3), em pequenas concentrações nas nuvens de Vênus, apenas cerca de 20 moléculas em cada bilhão.

Para confirmar a presença de “vida” é ainda necessário muito trabalho. Apesar de as temperaturas rondarem uns simpáticos 30º Celsius nas nuvens altas de Vênus, o meio é extremamente ácido — com cerca de 90% de ácido sulfúrico — o que coloca sérias dificuldades a quaisquer micróbios que aí tentem sobreviver.


A descoberta foi publicada na revista Nature Astronomy.


Veja mais: Uma borboleta de gás encanta o espaço


#Micróbios #Planetas #Vênus #VidaExtraterrestre #UniversidadedeCardiff #Fosfina